Manifestantes fecham trecho da BA-275 em Itagimirim e pedem manutenção e segurança nas estradas

339

Manifestantes bloquearam na manhã desta terça-feira (20), um trecho da BA-275, estrada que liga os municípios de Itagimirim, no sul da Bahia, e Salto da Divisa, localizado no norte de Minas Gerais. O trecho tem um alto índice de roubo de veículos por conta da situação precária da estrada, aliada à falta de segurança.

O bloqueio teve início às 8 horas da manhã e fechou a pista nos dois sentidos a cerca de 6 km do centro de Itagimirim. Até perto das 13 horas, a pista não havia sido liberada e uma longa fila de veículos se formou.

Estrada é o meio mais fácil de ligar o norte de Minas Gerais com o litoral baiano. (Foto: Rastro101)
Estrada é o meio mais fácil de ligar o norte de Minas Gerais com o litoral baiano. (Foto: Rastro101)

O ato de protesto foi organizado por moradores e empresários da cidade, muitos deles vítimas de criminosos que atuam constantemente na rodovia, que está em péssimas condições. O atual prefeito do Salto da Divisa, Ronaldo Peixoto, esteve no local e ofereceu apoio aos manifestantes. “Nessa estrada passam cerca de 600 veículos diariamente, e no fim de ano o número aumenta para cerca de 2500 veículos. A situação precária acaba afastando as pessoas da estrada, que é a via mais rápida para se chegar no litoral baiano à partir do norte de Minas”, relatou.

Prefeito do Salto da Divisa, Ronaldo Peixoto, esteve no local e se mostrou solidário à manifestação. (Foto: Rastro101)
Prefeito do Salto da Divisa, Ronaldo Peixoto, esteve no local e se mostrou solidário à manifestação. (Foto: Rastro101)


De acordo com o empresário Osmário Gama, que teve seu veículo roubado recentemente no trecho, o bloqueio foi feito após diversas reclamações de amigos que também foram vítimas de bandidos na estrada. “Temos que diminuir a velocidade para passar nos buracos, e bandidos ficam esperando facilmente para roubar os motoristas. É um absurdo a falta de segurança nessa estrada. No período de 30 dias, foram 8 veículos roubados”, relatou o empresário.

O empresário Osmário Gama teve uma caminhonete roubada recentemente na estrada. (Foto: Rastro101)
O empresário Osmário Gama teve uma caminhonete roubada recentemente na estrada. (Foto: Rastro101)

Ainda de acordo com Osmário, um abaixo-assinado foi organizado e o documento será enviado à Secretaria de Segurança Pública da Bahia e ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). “Se não tivermos uma resposta favorável sobre a situação lastimável da estrada, vamos realizar outra manifestação, possivelmente às vésperas do fim de ano, desta vez será a BR-101”, acrescentou.

Buracos da largura da estrada são encontrados facilmente em todo o trecho. (Foto: Rastro101)
Buracos da largura da estrada são encontrados facilmente em todo o trecho. (Foto: Rastro101)

“Cerca de 40 quilômetros estão em péssimas condições. Estrada sem sinalização, sem iluminação, sem acostamento e cheia de buracos. O motorista precisam reduzir o veículo ao ponto de parar na pista para desviar dos buracos, e assim vira alvo fácil para bandidos, que fogem por estradas vicinais”, relatou um motorista que trafega diariamente na estrada.


Fonte/Reprodução: Rastro101