Acusado de receber propina, coordenador de presídio é preso em Eunápolis

273

O coordenador de Segurança do Conjunto Penal de Eunápolis (CPE), Sydiney de Aguiar Almeida, foi preso em flagrante nesta terça-feira (9), recebendo propina para transferir um preso de ala dentro do complexo. Segundo informações do Ministério Público da Bahia, um mandado de busca e apreensão também foi cumprido na residência do coordenador de segurança da unidade.

Ainda de acordo com o MP, ele recebeu R$ 5 mil de propina para fazer a transferência do preso. A prisão aconteceu em uma ação conjunta do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) e da Coordenadoria de Segurança Institucional (CSI), Secretaria de Administração Penitenciária e de Ressocialização (Seap), Polícia Civil e Polícia Militar, por meio do Grupamento Aéreo (Graer). O Ministério Público informou que o objetivo da operação é coibir irregularidades no sistema penitenciário baiano.

FUGAS – No início do ano passado, duas fugas foram registradas no presídio de Eunápolis. Nas duas ocasiões, os detentos usaram uma corda feita de lençóis para escalar os muros do complexo. A polícia abriu uma investigação para descobrir se os agentes penitenciários facilitaram a fuga dos presos.

O complexo acolhe presos que cumprem pena em regimes fechado e semiaberto e presos provisórios. O complexo tem capacidade para 457 detentos, mas atualmente, 756 presos cumprem pena no local, de acordo com dados da Seap.


Fonte/Reprodução: Liberdade News