Porto Seguro: Secretário de Turismo do Estado é favorável a cobrança de taxa

302

O secretário de Turismo da Bahia, Zé Alves, é favorável à cobrança de R$ 2 por dia em Porto Seguro, no Estado. Em entrevista a imprensa, Alves disse acreditar que a medida “se bem aplicada, vai beneficiar os clientes”.

“De uma forma ou de outra, se for bem aplicada, vai beneficiar o cliente e a cidade. A única coisa é que tem que fazer com cuidado. Ter acompanhamento de como aplicar”. O secretário disse ainda que a cobrança “é legal” e que se der certo na cidade, pode se espalhar pelo estado. “Se for um case de sucesso, não vejo mal em se espalhar”, opinou.

A cobrança, de acordo com a publicação, será embutida o valor das diárias dos hotéis e vale apenas para quem hospedar-se neles.A proposta deverá ser sancionada pela prefeita Cláudia Oliveira (PSD) e entrará em vigor em abril de 2017.

Segundo a prefeitura, Porto Seguro recebe anualmente cerca de 1,5 milhão de turistas, sobretudo no verão. As vilas de Trancoso e Arraial D’Ajuda estão entre os principais destinos.

Notícias relacionadas:
Porto Seguro: aprovado projeto de lei que institui taxa para turistas


Fonte/Reprodução: Bahia Dia a Dia